Descobrir Palmela 

Um Centro Histórico parece alimentar-se de memórias e viver suspenso noutros tempos, mas há-que saber ler nas entrelinhas. Em Palmela, há um pulsar de vida que convida a desbravar cada ruela, cada largo, cada escadinha que aponta o caminho, vertiginosamente, até ao promontório da vila - Castelo-farol que se ergue, imponente, sentinela entre Tejo e Sado. Património, habitação, comércio, serviços, movimento associativo juvenil, cultural e desportivo, tradição, produtos locais, espaços de conhecimento, oportunidades de negócio, propostas de lazer, refúgios de tranquilidade. Passado, presente e futuro encontram-se aqui.

Localização

O Município é o maior da Grande Área Metropolitana de Lisboa, com mais de 460 quilómetros quadrados, e integra uma região de grande riqueza natural, com destaque para o Parque Natural da Arrábida e para a Reserva Natural do Estuário do Sado.

As relações entre o urbano e o rural, entre o interior e a proximidade ao litoral e à capital portuguesa, entre tradição e modernidade, dão origem a um território único que tem muito para oferecer. Em curso está a requalificação urbana do burgo principal e mais antigo, sede do concelho: o Centro Histórico da vila de Palmela.

Caracterização

Com mais de 800 anos de História, o concelho reconquistou, em 1926, a autonomia perdida para Setúbal em 1855. Nos censos de 2011, os dados preliminares apontam para mais de 60 mil habitantes.
O Centro Histórico de Palmela apresenta características particulares, que lhe conferem uma identidade muito própria. Trata-se de uma vila não muralhada, encimada pelo Castelo, que se desenvolveu ao longo encosta voltada para Norte, ajustando-se ao seu relevo acidentado. O núcleo pré-urbano terá surgido, inicialmente, na cerca onde se implantou a alcáçova e talvez a Medina. Verifica-se uma ocupação muçulmana ininterrupta da alcáçova do castelo desde meados do séc. 8 e 9 até à reconquista, no séc. 12. A partir deste século, a população desloca-se para o Arrabalde, com uma ocupação cujo traçado urbano se adapta às condições topográficas e defensivas, através de ruas estreitas, travessas, becos, labirintos e escadas. As casas apresentam soluções arquitetónicas e técnicas construtivas de cariz defensivo, com poucas aberturas.

A Rua Direita, atual Rua Contra Almirante Jaime Afreixo, era a artéria mais importante, tanto pela densidade de ocupação como pelo atravessamento quase total da vila. As travessas desenvolveram-se a partir das direções de maior declive, correspondendo provavelmente aos caminhos pré-existentes.
Na época dos Descobrimentos, Palmela ganha duas novas Igrejas - a Igreja da Misericórdia e a nova Igreja Matriz de S. Pedro, assim como o Pelourinho . O Castelo e a Igreja de Santiago perdem importância e surge um novo pólo dinamizador, o Largo do Município, onde se desenvolvem atividades religiosas, administrativas, económicas e onde se inicia também um novo crescimento urbano. Com dois pólos opostos estruturantes - Lg. d'Él Rei D. João I (antigo Lg. do Rossio) e o Largo do Município, onde se localiza também o edifício dos Paços do Concelho, a vila acabou por consolidar-se no séc. 16, densificando-se até ao séc. XVIII com um traçado linear.

O Chafariz de D. Maria I data do séc. 18. Nos séculos 19 e 20, o edificado existente articula-se com a área de expansão urbana através de quarteirões reguladores, apoiados em dois espaços públicos estruturantes: o Largo do Touril, a Poente, (atual Jardim Manuel Sequeira da Costa Paula) com ligação ao Largo do Município e o Largo S. João, a Norte, onde se localiza a Capela de S. João Baptista.
O casario acompanha a morfologia do terreno, resumindo-se a arquitetura civil corrente a casas térreas, com ou sem chaminé, e algumas com assimetria na disposição dos vãos, revelando a sua origem medieval.

O poder económico de algumas famílias ligadas à cultura vitivinícola, nos séculos 19 e 20, manifesta-se em "casas-quarteirão", que ocupam lotes de dimensões significativas. Estes tipos arquitetónicos, característicos da vila, têm 1 ou 2 pisos e integram adegas de produção própria na maioria dos casos. Existem outras adegas mais modestas, de lotes menores e de arquitetura mais simplista, espalhadas por todo o núcleo.

Na arquitetura civil corrente, destacam-se pormenores arquitetónicos nas casas do burgo medieval: arestas boleadas nos vãos, varandas constituídas por balcão de sacada com hastes cilíndricas aneladas em ferro forjado, óculo na zona da escada de acesso ao segundo piso, que a iluminava naturalmente. O tipo de cobertura tradicional deste núcleo foi o telhado de tesouro.
Nos finais do séc. 19, surge o uso da platibanda decorada, por vezes encimada por balaustradas e faianças, que vem alterar a composição das fachadas. Na zona de expansão de finais do séc. 19 e do séc. 20, a Norte da vila, surgem casas abastadas com cantarias nos vãos, elementos trabalhados em argamassa na fachada, azulejo cerâmico de revestimento nas fachadas e painéis que retratam cenas da vida quotidiana da vindima, integrados na linguagem Arte Nova.

Património

Habitada desde tempos pré-históricos, Palmela apresenta vestígios das várias culturas que por aqui passaram. Palco das lutas da conquista cristã aos Mouros, é D. Afonso Henriques que lhe atribui o primeiro foral, em 1185. A escolha do Castelo de Palmela como sede da Ordem Militar de Santiago de Espada durante quatro séculos é um marco fundamental da sua identidade. Hoje, o Centro Histórico da vila de Palmela é um local sereno, onde o século XXI toca eras remotas. Entre as gentes, os largos típicos e os monumentos nacionais, Palmela é um encontro com a História.

Castelo

Com ocupação islâmica entre os sécs. VIII-XII, foi conquistado por D. Afonso Henriques e definitivamente recuperado por D. Sancho I. Sede da Ordem de Santiago até à sua extinção, em 1834, é hoje, Monumento Nacional.
> Ver folheto
Igreja de Santiago

De traça gótica, o templo alberga o túmulo de D. Jorge, último Mestre da Ordem de Santiago e é, hoje, uma sala de exposições de excelência.
Convento da Ordem de Santiago

Datado dos sécs. XVII-XVIII, o antigo convento foi recuperado, para se transformar numa luxuosa Pousada histórica.
Museu Municipal no Castelo

Visite, no Castelo, a reserva visitável de S. Tiago, o Espaço de Transmissões Militares, os espaços arqueológicos e as exposições temporárias.
Igreja de Santa Maria do Castelo

Primeira igreja paroquial de Palmela, provavelmente do século XII, ficou em ruínas desde o terramoto de 1755. A antiga sacristia foi recuperada para instalar o Gabinete de Estudos sobre a Ordem de Santiago.
Igreja da Misericórdia

Edifício seiscentista, apresenta as paredes revestidas a azulejos do séc. XVII e o Altar-mor de talha joanina.
Paços do Concelho

Edifício principal da Câmara Municipal de Palmela, este belo edifício apresenta um Salão Nobre decorado com retratos murais dos soberanos de Portugal, desde o conde D. Henrique a D. Manuel I.
Igreja de S. Pedro

De origem medieval, o atual edifício da Igreja Matriz da Vila de Palmela data da segunda metade do século XVI. Apresenta um notável revestimento azulejar barroco, que retrata a vida apostólica de S. Pedro.
Pelourinho

Datado de 1645, é Monumento Nacional desde 1910.
Casa Mãe da Rota de Vinhos da Península de Setúbal/ Costa Azul

Nesta antiga adega recuperada, pode obter informações sobre a Rota de Vinhos, efetuar provas, marcar visitas às adegas e adquirir produtos regionais e os vinhos dos produtores aderentes.
Chafariz D. Maria I

Decorado com as antigas armas da Vila de Palmela, foi restaurado e remodelado no reinado de D. Maria I.


Parque Venâncio Ribeiro da Costa

Construído nas primeiras décadas do séc. XX, pelo então Presidente da Câmara Joaquim José de Carvalho (1895-1975), é um espaço de lazer privilegiado, cuja requalificação permitirá qualificar a vida na vila e constituir-se como um destino turístico, objetivo primário da sua criação.

Capela de S. João Baptista

Datada do séc. XVII, foi fundada por um comendador da Ordem de Malta. De nave única, apresenta um notável lambrim de azulejos policromos, com motivos de maçarocas e laçarias e pinturas murais. Classificada como Monumento de Valor Concelhio em 1997.


Coreto da Sociedade Filarmónica Humanitária

Inaugurado em 3 de Agosto de 1924, esteve a cargo do mestre pedreiro e empreiteiro palmelense Salvador Augusto Camolas. O coreto é constituído por uma base marmórea, estrutura de ferro forjado e cobertura de madeira, com típica decoração da época.

Biblioteca Municipal de Palmela

A Biblioteca Municipal de Palmela (antiga escola primária), foi construída em 1928, mostra-nos uma fachada eclética com dois corpos de andar único, centrados por outro de dois andares, mais elaborado. A recente adaptação do edifício em biblioteca foi projetada pelo arquiteto Sérgio Camolas.


Cineteatro S. João

Sóbrio e harmonioso imóvel com interessantes pormenores decorativos: no exterior destacam-se as ferragens e a torre encimada por uma esfera; no interior a azulejaria, os frisos de remate e os candeeiros do Salão e dos corredores e foyers, que criam um ambiente peculiar. No interior é possível visitar a exposição permanente: "Cineteatro S. João: Arte e Memória". Classificado como Imóvel de Interesse Municipal em 2005.

Malha urbana

À medida que o Castelo se foi consolidando e expandindo desde o período Medieval Islâmico, mas sobretudo ao longo do Período Medieval Cristão e Moderno, o Centro Histórico foi assumindo a sua configuração sinuosa ao longo da encosta. Um passeio por esta malha urbana, tricotada ao longo de séculos, permitirá distinguir as diferentes tipologias arquitetónicas mais relevantes de cada época.

Paisagem

Palmela, pela sua situação geográfica, está rodeada de paisagens privilegiadas singulares e deslumbrantes. A sul a Península de Tróia, o rio Sado, o Oceano Atlântico e o Parque Natural da Serra da Arrábida, com todas as serras e vales que o compõem; a norte o rio Tejo, a cidade de Lisboa e a serra de Sintra.

Largo de S. João

Neste largo situa-se a ocupação humana mais antiga da vila, com o povoado do Casal da Cerca, datado do Neolítico Antigo Evolucionado (final do VI milénio e inícios do V milénio a.C.). Aqui pode desfrutar da excelente vista sobre o Vale dos Barris, Parque Natural da Arrábida, e também de uma privilegiada panorâmica para o Castelo de Palmela. Recentemente requalificado, com projeto da autoria de Rui Farinha, foi distinguido com o Prémio Nacional de Arquitetura Paisagista 2009 e o "Banco Palmela" foi Prémio Laurus/ Jornal Arquiteturas Equipamento Urbano Ibérico 2011.

Palmela a caminhar

Descubra as ruas, as escadinhas, os becos, a arquitetura, os monumentos, a paisagem. Caminhe…

…para além das muralhas
Inicie o percurso no Castelo de Palmela, seguindo depois as indicações fornecidas no mapa. Poderá terminar o trajeto visitando a Igreja de Santiago do Castelo de Palmela.
Deslumbre-se com a paisagem. Tenha um excelente passeio e descubra o que o Castelo lhe oferece para além das suas muralhas.
… pelos largos, lugares com estórias
Inicie o percurso no Largo do Município, seguindo depois as indicações fornecidas no mapa. Poderá terminar o trajeto no Largo Duque de Palmela (antigo Largo do Pelourinho).
Observe todos os pormenores. Tenha um excelente passeio partindo à descoberta da vila.
… ao som da melodia da água
Inicie o percurso no Chafariz D. Maria I, seguindo depois as indicações fornecidas no mapa. Poderá terminar o trajeto na Fonte do Carvacho (caminho para a Moita).
Detenha-se nos pormenores. Tenha um excelente passeio partindo à descoberta da vila.
… pelas ruas da vila de Palmela
Inicie o percurso no Largo Duque de Palmela, seguindo depois as indicações fornecidas no mapa. Atente nos pormenores azulejares e arquitetónicos.
Detenha-se nos pormenores. Tenha um excelente passeio partindo à descoberta da vila.
… pelos miradouros da vila e leia as paisagens
Este percurso convida os visitantes a observarem as mais belas paisagens que a vila de Palmela oferece. Circunde a vila caminhando e deixe-se envolver pela beleza natural que envolve o concelho.
Percurso Pedestre pelas Encostas de Palmela
Este percurso convida os visitantes a uma relaxante caminhada pelas encontras de Palmela e apreciarem, entre outras coisas, Fonte Nova e Lavadouro, Vale dos Barris, Serra do Louto, Moinhos de Ventos, etc.

Pé ante pé... descobre o que a vila é!
Este guia foi pensado, de forma especial, para o público infanto-juvenil, mas pretende conduzir todas as pessoas, de diferentes idades, numa visita através do núcleo mais antigo da vila.

Ficha Técnica do Percurso

«Porque se trata de um espaço único onde cada rua, cada janela, cada símbolo guarda mais do que revela…»

Museu Municipal de Palmela - Serviço Educativo 2017/18

"Programa Pedagógico"

 

Para marcação de visitas:
Museu Municipal
Telf.: 212 336 640
Fax: 212 336 641
patrimonio.cultural@cm-palmela.pt

 

 

Artesanato

Cecília H. Silva
Pintura em cerâmica e azulejo
Castelo de Palmela.
Telm.: 919 158 209
GPS: 8° 53' 59,955" W 38° 33' 57,161" N
Pal`Artes
Artesanato variado e artes decorativas
Telm.: 919 687 604
palartes.eventus@gmail.com
www.pal-artes.blogspot.com
GPS: 8° 54' 3,133" W 38° 34' 7,144" N

Restauração e Bebidas

Visite o Centro Histórico da Vila de Palmela e aproveite, também, para conhecer as suas tradições gastronómicas. A diversidade desta região possibilita-lhe a degustação de uma variedade de iguarias imperdíveis.

Restaurante 3.ª Geração
Tel.: 212 350 152
Restaurante da Pousada de Palmela
Tel.: 212 351 226
recepcao.palmela@pestana.com
www.pousadas.pt
Taverna da Ladeira 
Tel.: 212 332 612 
guida-1962@hotmail.com

Saiba que:
Em 2013, a iniciativa Fins-de-semana Gastronómicos, integrada no programa "Palmela – Experiências com Sabor", decorre de Abril a Setembro, e coincide com alguns dos principais eventos culturais e turísticos do concelho, como o Festival do Queijo, Pão e Vinho ou a Festa das Vindimas .
Ao longo dos fins-de-semana gastronómicos temáticos, os restaurantes aderentes propõem ementas diferentes, dedicadas a produtos sazonais, como o queijo, o vinho, o moscatel, a sopa caramela e a fruta.
Deixe-se cair em tentação!
Estabelecimentos aderentes ao cartão Palmela Tourist Card
Restaurantes aderentes ao programa "Palmela – Experiências com Sabor"

Vinhos

VinhosPalmela - Cidade Europeia do Vinho 2012

Palmela - Cidade Europeia do Vinho
             2012Palmela foi eleita Cidade Europeia do Vinho 2012 pela RECEVIN, a Rede Europeia de Cidades do Vinho.
A Câmara Municipal de Palmela quer partilhar esta distinção com todos os produtores da região que afirmaram nos últimos anos a alta qualidade dos nossos vinhos, mas também com todas as instituições, públicas, associativas e privadas que têm feito de Palmela o símbolo de uma região vitivinícola rica e diversificada, e em que o vinho constitui um eixo importante de desenvolvimento e de qualidade de vida. O título de Cidade Europeia do Vinho 2012 constitui um importante contributo para alargar a notoriedade e o prestígio dos vinhos de Palmela e da região.

    


Casa Mãe da Rota de Vinhos
Inaugurada a 1 de Junho de 2000 – data simbólica por ser o dia do Concelho –, a Casa Mãe da Rota de Vinhos da Costa Azul está situada no Largo de São João, em Palmela. A vocação principal da Casa Mãe consiste na divulgação do vinho da região, não só numa perspetiva comercial como, também, por este constituir um fator importante na captação de turismo nacional e internacional.

A Casa Mãe da Rota de Vinhos da Costa Azul funciona, igualmente, como um centro de documentação e espaço de exposição, prova e venda de vinhos produzidos pelas adegas aderentes.
Uma pequena biblioteca e um bar compõem o seu interior, tornando-a um local agradável de visita impulsionado, também, pela sua construção arquitetónica.

Se quiser ainda conhecer melhor as 13 adegas da região aproveite a possibilidade que a Casa Mãe oferece de promover marcações de visitas guiadas.

Contacto
Casa Mãe Rota dos Vinhos
Largo de S. João - Palmela
Tel.: 212 334 398
Fax: 212 334 990
rotavinhos.psetubal@mail.telepac.pt
www.rotavinhospsetubal.com
Horário de funcionamento:
De Segunda-feira a Sábado, das 10h00 às 19h00. Encerra aos domingos e feriados.

Alojamento

Vila de Palmela

Pousada de Palmela
Castelo de Palmela
2950-997 Palmela
Tel. (+351) 212 351 226 / 1 395 || Fax (+351) 212 330 440
recepcao.palmela@pousadas.pt || www.pousadas.pt
GPS: 8º 54' 5,959'' W - 38º 33' 56,205'' N

Situada no antigo convento do séc. XV que pertenceu à Ordem Militar e Religiosa de Santiago da Espada. Dispõe de 28 quartos, restaurante, bar, salas de reuniões, sala de TV, lavandaria, estacionamento, jogos de mesa e uma excelente panorâmica.
  Hotel Varanda Azul**
Rua Hermenegildo Capelo nº 3
2950 Palmela
Tel. (+351) 212 331 451/2/4 || Fax. (+351) 212 331 454
info@varandazul.pt || www.varandazul.pt
GPS 8º 54´13,617'' W – 38º 34' 12,290'' N

Dispõe de 17 quartos com casa de banho privativa, TV com antena parabólica, telefone, ar condicionado, bar e pequeno-almoço.

Outras Localidades

Hotel Montado e Golf Resort****
Urbanização do Campo de Golf do Montado, Lote 1 Algeruz
2950-051 Palmela
Tel. (+351) 265 708 150 || Fax (+351) 265 708 159
geral@golfdomontado.com.pt || www.montadoresort.com
GPS: 8º 48' 12,104'' W – 38º 34' 10,764'' N
  F Palmela – Aldeamento Turístico de Palmela***
Rua Manuel Carromeu
2965 – 515 Águas de Moura
Tel. (+351) 265 930 000 || Fax (+351) 265 930 099
geral@fpalmela.com || www.fpalmela.com
GPS: 8º 47' 12,174'' W – 38º 34' 50,074'' N

Dispõe de 54 apartamentos, piscinas, campos de ténis, circuito de manutenção e de bicicletas, campo de futebol, parque infantil, bar, minimercado.


Amazónia Palmela Apartamentos Turísticos****
Sítio de Poços, Vale de Touros ( E.N. 379/2 )
2950 Palmela
Tel. (+351) 210 878 520 || Fax (+351) 210 878 521
recpalmela@amazoniahoteis.com || www.amazoniahoteis.com
GPS8º 55' 6,293'' W – 38º 35' 13,703'' N

  Palmela Village Golf Resort****
Urbanização Palmella Village
Av.ª Jávea Lote 60
Clube House
Quinta do Anjo
2950-580 Palmela
Tel. (+351) 210 442 600 || Fax (+351) 210 442 609
reception@phr.pt || www.palmelavillagegolfresort.com
GPS: 8º 57' 24,07' W – 38º 34' 31,51' N


Palácio de Rio Frio - Turismo de habitação
Herdade de Rio Frio
2955 – 014 Pinhal Novo
Tel. (+351) 212 319 701 || Fax. (+351) 212 319 633
RioFrio@solaresdeportugal.pt
GPS 8º 51' 37,540'' W – 38º 40´19,037'' N

Dispõe de 4 quartos com casa de banho privativa, sala de TV, sala de leitura, sala de refeições, sala de reuniões, piscina, jardim, estacionamento e pequeno-almoço. A Herdade de Rio Frio tem outras facilidades como desportos náuticos, centros hípicos, restaurante, caça e pesca.
  Moinho da Páscoa
Barris CCI 4316
2950-055 Palmela
Tel. (+351) 212 333 548 || Fax 212 334 566 mbarata@ip.pt

O Moinho dispõe de um quarto, sala, kitchenette e casa de banho. A casa anexa ao moinho, dispõe de 5 quartos climatizados com casa de banho privativa, sala com lareira, TV, cozinha, jardim, mini piscina e pequeno-almoço.


Quinta do Chaparro - Turismo Rural
EN 379/2 - Orvidais
2950 – 070 Palmela
Tel. (+351) 212 350 431 || Telemóvel: 967 027 252 || Fax: (+351) 212 350 431
Josemartins695@hotmail.com
GPS 8º 54' 15,595'' W – 38º 35' 11,976'' N

Dispõe de um apartamento em casa térrea com capacidade para 2 adultos e duas crianças, um quarto, sala comum com sofá cama e lareira, TV, cozinha, casa de banho, piscina, jardim, estacionamento e pequeno-almoço.

Indicações: Seguir pela Estrada da Moita, no sentido Palmela / Moita, virar à direita onde indica "Zagope" (antes de passar o viaduto da autoestrada), continuar sempre em frente passando a "Zagope" à esq. No final da estrada virar à esq. e passar um viaduto por cima da autoestrada, virar à direita e a Quinta do Chaparro fica a poucos metros do lado direito.
  Camping Ecológico de Campismo e Caravanismo Vasco da Gama
Rua Lagoa Brazida, Apartado 148 - Salgueirinha
2959-909 Pinhal Novo
Tel. (+351) 212 362 361 || Fax: (+351) 212 362 361
campingvasco.gama@sapo.pt || www.campingvascogama.netfirms.com
GPS 8º 54' 3,770'' W – 38º 38' 54,083'' N


Biovilla
Herdade do Pinhal Basto - Vale de Barris
2950 Palmela
Tel. (+351) 212 351 224
geral@biovila.org || http://www.biovilla.org

Dispõe de 4 quartos com alojamento triplo ou duplo. Cozinha, deques, sala de estar com tela de projeção para filmes e casas de banho equipada para pessoas com mobilidade reduzida, tudo em formato partilhado. Possibilidade de envolvimento nos trabalhos diários de horta, permacultura e formações.
  Quinta da Escudeira
Vale de Barris
2950-055 Palmela
Tel. (+351) 214 046 637 || Tlm. 963 916 031
geral@quintadaescudeira.pt || www.quintadaescudeira.pt

A Casa de Campo é composta por dois quartos, uma suite com cama de casal e um quarto com duas camas, sala com sofá-cama, cozinha e casa de banho. Tem acesso à piscina da Quinta e barbecue. Internet disponível e limpeza diária. Bicicletas para uso dos hóspedes.


Quinta de Alcube
Rua Alto das Necessidades
2950-025 Setúbal
Tel. (+351) 212 191 566
quintadealcube@gmail.com || www.quintadealcube.pt

Dispõe de 3 casas com piscina partilhada. Toalhas, lençóis e serviço doméstico incluído. Máquina de lavar roupa coletiva. Aluguer de bicicletas. Possibilidade de passeios pedestres, de bicicleta e provas de vinhos
 

Calendário de Eventos 2017

Janeiras - 6 de janeiro

Granfondo Arrábida - 4 de março

Clássica da Arrábida - 5 de março

Queima dos Judas - 15 de abril

Dia Nacional dos Monumentos e Sítios - 18 de abril

Dia das Merendas - 24 de abril

Abril Jazz Mil - abril

Um Centro Histórico de Oportunidades - 11 de maio e 21 de novembro

Colóquio Internacional "1147-1217- A Fronteira Entre Conquistas" - 19 de maio

Mercadinhos de Palmela - 20 de maio a 7 de outubro (1º e 3º sábados de cada mês)

Noite dos Museus - 20 de maio

Dia Internacional dos Museus - 18 de maio

Corrida Volkswagen - 27 de maio

2 (de) Mãos por Palmela - 27 de maio

Dia do Concelho - 1 de junho

Sinfonia de Palmela - 1 e 2 de junho

II Feira do Livro - 1 a 4 de junho

Peddy Paper Noturno no Castelo - 17 de junho

Palmela Wine Jazz - 23 a 25 de junho

NGPS Arrábida - 1 de julho

Palmela Run - 8 de julho

Grafia Antiga e a Ordem de Santiago - 22 de julho

Dia da Arqueologia -23 de julho

Palmela Wine Jazz - 30 e 31 de julho

Festa das Vindimas - 31 de agosto a 5 de setembro

Ritual Almenara - 15 e 16 de setembro

Dia Nacional das Transmissões Militares> - 16 de setembro

IV Feira Medieval de Palmela - 22 a 24 de setembro

Jornadas Europeias do Património - 22 a 24 de setembro

Dia dos Castelos - 7 de outubro

12º Grande Prémio da Arrábida - 19 de novembro

Festival do Moscatel de Setúbal - dezembro

Comemorações do Dia Europeu do Enoturismo - 12 de novembro


Consulte a agenda de acontecimentos do concelho de Palmela: Catavento

Visita 360°

Publicações